Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fragmentos de Miguel Moreno

recordações, paixões, aventuras de quem já viajou por todo o país... a vida é bela

Palavras perdidas

01.04.24, MM
Escrevo nas entrelinhas da alma Sentimentos oriundos do coração E como um bom vinho que se degusta com calma Doo o corpo à liberdade Serenidade, libidinosidade Aromas despertados ao sabor da paixão Numa noite ao luar Numa cama feita de areia do mar   Deixo fluir a tinta em papiros encantados Sílabas estonteantes em corpos enfeitiçados Eloquências perdidas no teu terno olhar Que um dia me fez encantar Sonho adormecido perdido no teu sorriso Fazendo a minha pele arrepiar E no meu (...)

Simples amigo

20.11.22, MM
Há histórias que um dia ficaram por contar Desejos de beijos que não chegaram a acontecer Sentimentos enclausurados por revelar Esperanças renovadas num novo amanhecer   Deixa o manto da noite te aconchegar Sonhos que o coração deseja viver Embriagados no néctar dos deuses Embalados em melodias de encantar Relaxa, vou-te preparar o jantar Luz das velas, lareira acesa É hora de brindar Corpos entrelaçados neste sentimento Eloquências de quem quer amar De alma, de coração Viver (...)

Encantos

20.01.22, MM
Que encantos teus os meus querem encantar Folhas que caem e eu hipnotizado no teu olhar Seduzido, rendido, apenas um menino perdido Que nos teus lábios desejava-se encontrar, beijar A ti, menina, mulher, princesa, rainha Embalado em ti nesta noite que se avizinha Eu, tu, apenas nós,  seduzidos pelo luar Cama feita de areia ouvindo as ondas do amar   Que encantos meus os teus poderão encantar Banho perfumado num corpo arrepiado Mesa para dois, cozinho eu, vamos jantar Uma pausa apenas (...)

Degustar

08.08.21, MM
Embriago-me no meu copo de vinho E na coragem tento fazer-te o fadinho Convenci as nuvens a deixar resplandecer o luar Implorei à maresia que te deixasse ver o mar E sob a luz das estrelas declamei o meu amor Em poemas versados no teu glamour Dedicados a ti, minha princesa Reflexo da tua essência e da tua beleza   Desfruto mais um pouco deste néctar da vida Que aos deuses foi sorrateiramente surrupiado E mesmo que fique por ti embriagado, hipnotizado Que a nossa relação seja proibida Viaja (...)

Ansiedades...

24.03.21, MM
    Aproxima-se vertiginosamente o meu aniversário e no meu pensamento, instalou-se uma uma ansiedade tremenda, quase agoniante, destabilizando emocionalmente todo o meu ser, todo o meu corpo. O dia foi passando e apenas uma única questão assombrou-me: Será que te vais lembrar?  Sim, sei que te lembrarás. Eu conheço-te bem. Sei que pegarás no telemóvel vezes sem conta, mãos trêmulas num nervoso miudinho, provocando aquele tão teu típico mordiscar de lábios, de olhos (...)

Copo de Vinho

10.10.20, MM
  Degusto no silêncio da alma o meu copo de vinho, Invadindo este meu corpo dormente, quente, ardente, Vivendo no secreto desejo de invadir o teu caminho, De percorrer o teu corpo calmamente, eloquentemente...   Já embebido no sonho profundo eu te contemplo, Nesse teu singelo sorriso que me hipnotiza, Que me faz corar, que me desestabiliza, Que me faz viajar entre as montanhas e o mar, De correr de mãos dadas pelos campos sem parar, De conseguir paralisar o tempo nesta ânsia te amar, (...)