Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fragmentos de Miguel Moreno

recordações, paixões, aventuras de quem já viajou por todo o país... a vida é bela

Ela é prosa, eu sou poesia

03.04.22, MM
Ela é prosa Escrita entrelaçada numa pauta melodiosa Mundos imaginários, coisas do coração Enredos que ganham vida de forma harmoniosa Animismos ou personificação Paradoxos sem comparação Narrativas vividas no desconhecido Talvez do além E eu deslumbrado como ninguém Ela domina a arte Eu, pareço que venho de Marte Ela é prosa Eu sou poesia Brisa do mar onde tudo é fantasia Palavras tontas com que tento rimar Delineando sentimentos que não consigo ocultar Em estado puro, (...)

Quero um amor...

28.10.21, MM
  Quero alguém que me abrace nas noites frias de Inverno Que me acarinhe nos dias que parecem um inferno E nos seus mais secretos desejos eu seja o eleito Mesmo sabendo que eu não sou perfeito   Não quero um amor como um café esfriado, morto, enterrado Quero um amor bem quente, escaldante, ardente, eloquente Pétalas perfumadas espalhadas pelo chão Corpos desnudados dançando a mesma canção   Não quero acordar com alguém por acordar Na indiferença de um corpo morto para matar (...)

Viajo entre a luz e a escuridão

06.03.21, MM
  Viajo por entre a luz e a escuridão Flutuando maravilhado, assustado Luminescências, incandescências Demências projetadas pelo coração Perdidas entre o medo e a sedução Eloquências de súbitas evanescências   Viajo entre a luz e a escuridão Pequenos fragmentos esmiuçados Viajando entre o sonho e a ilusão Visões de mundos encantados Verdades escondidas na desilusão Mentiras escondendo a paixão   Viajo por entre a luz e a escuridão Sentimentos embrulhados num turbilhão Clarividênci (...)