Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fragmentos de Miguel Moreno

recordações, paixões, aventuras de quem já viajou por todo o país... a vida é bela

E a vida passou...

12.09.21, MM
  Deixei passar as águas do rio sem nunca as abraçar Contemplei no infinito as estrelas sem nunca as desenhar Corri contra o vento sem nunca o atravessar E hoje, lembro-me das sementes que me esqueci de cultivar   Passou por mim o tempo a correr Desvaneceu-se no ar parte do meu ser Lembranças perdidas em cada amanhecer Palavras sentidas de uma boca a tremer   Tudo na vida eu vi passar Passagens do tempo que no meu corpo ficaram tatuadas Esquecimentos, alentos, sofrimentos Alegrias, (...)

Rio

06.06.21, MM
Rio… Que nos silêncios das tuas águas lês os meus pensamentos Que conheces os meus segredos e tormentos Que desnudas a minha alma dormente Sabedora do meu amor eloquente E no entanto Quando te pergunto, porquê? Remetes-te ao silêncio profundo Murmurando, conspirando, ignorando o meu mundo O meu sofrimento, o meu lamento.   As águas onde chorei já passaram Já vão distantes Retidas nas recordações dos amantes Em que apenas as memórias ficaram... Mas és rio, majestoso, corres (...)